Pai capta universo particular do filho autista em projeto fotográfico sensível

05/02/2018

Começou assim mesmo, por frustração. O fotógrafo Timothy Archibald não via fim ao desespero por seu filho, Eli, ser autista, até que encontrou uma forma de sentir “que estava fazendo alguma coisa” por ele – uma série fotográfica íntima e genuína, captando a sua essência.

 

Intitulada de Echolilia: Sometimes I Wonder, a série foi a forma encontrada por Archibald pra retratar Eli exatamente como ele é, ao contrário do que fazem muitos pais, clicando os filhos sempre sorridentes ou em situações graciosas. Segundo o fotógrafo, nenhuma das imagens foi planejada e todas foram captadas no momento, visto que Eli rapidamente se cansa do que está fazendo, procurando outra ocupação em minutos.

 

Hoje o pai não se preocupa tanto com o diagnóstico ou com o peso da palavra autismo.

Ele está somente focado no que realmente importa: a relação entre os dois.

 

 

Matéria extraída do site Hypeness.

Please reload

Abacadabra - Serviços de Psicologia Ltda - ME
CRP 5623/J